quinta-feira, 8 de julho de 2010

Expressando

Medos enterrados A qualquer momento despertos poderão ultrapassar a barreira do sentir-se só. Seguindo na busca de ser feliz... realizar sonhos, amando na intensidade real do querer e fazer o bem. Realidade estampada no cenário a dois que em um se resume o grande amor: - na solidão... Ou, no encontro... O medo da alternativa. Célia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.