quarta-feira, 21 de julho de 2010

Memória.

Um flash do meu olhar, Gravou uma foto sua. Imagem... Escaneada pela minha íris, Arquivada em minha mente, Povoa meus pensamentos, A todo instante revelo-a. E no porta- retratos do coração, Habita terna e eternamente... O encontro foi cultivado. O encanto perpetuado. Na magia do amor... A aura do mais profundo sentimento... A moldura das nossas existências. Célia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.