quarta-feira, 14 de julho de 2010

Sentimento...

Sentimento, uma escolha de momentos, Felizes como uma chegada: amo você. Ou, Tristes com uma despedida: adeus! Superficiais, ou de fulgurante essência... Entrega-nos apenas com o olhar Ao sentirmos a plenitude do encontro. É a permissão do sorriso, É repartir cumplicidade, É entender desejos. É levitar sem pressão alguma... No espaço do amor que recebo, E retribuo livre e feliz. Em um lar. Em um berço. Ou, no terço final... Sentimentos! Célia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.