sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Reinventar-se

Gerados de uma forma. Criados de outra. Moldados segundo costumes... Educação recebida nem sempre ideal... Guinada de 360º e, refazer-nos. Pensar em um novo modelo. Dar vida, vez e voz ao mesmo. Registrar sua patente, única! Sendo o que mais você quis: Seu desejo. Sua vontade. Sua aspiração. Às favas desejos alheios! Apenas os meus bastam... Assim, sou feliz e completo, Distribuo energia e exemplo, De uma existência íntegra! Agora, reconheço-me!
Célia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.