quarta-feira, 1 de junho de 2011

Itinerante








Andei pelo mundo
e só você
trouxe-me a alegria de viver.

Cantei em minha vida
e só você
soube entoar meu tom.

Sofri em minha existência
e só você
soube cicatrizar-me.

Desfragmentei vidas passadas
e só você
faz parte da minha vida hoje.

Sem manipulações mentais
amo
só você.

Célia

3 comentários:

  1. As belas lembranças e emoções são que move nossa vida pra que de um acalanto na alma. Há sensibilidade aflorando a pele no seu texto. Adorei! Parabéns pelos versos lindo! Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. É um amor eterno e lindo! Foi feliz e vive esta felicidade na lembrança até hoje. Amei! Beijos. Bia

    ResponderExcluir
  3. Célia,amo esse amor que voce descreve tão bem!Só quem amou com essa qualidade é capaz de entender!bj.Colibri

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.