segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Único caminho











Há uma estrada no infinito,
que percorro quando quero te encontrar.


Um olhar e um sorriso apenas,
energia de toda uma existência...


Na fala silenciosa, sinais ocultos.
No olhar, a devoção imensa.


No sorriso, a certeza do que somos.
Encontro.



Célia

24 comentários:

  1. "Um olhar e um sorriso*...apenas, é tudo!
    Beijo da Mery*
    Boa semana pra ti.
    :)

    ResponderExcluir
  2. Transcender é maravilhoso ! Que percurso formidável nesse caminho... abraço

    ResponderExcluir
  3. E que bom CÉLIA que podemos sempre ter encontros, ainda que em pensamento. Lindo post!

    Meu carinho!
    http://pequenocaminho.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi amiga querida,

    Que lindo! Em tão poucas palavras, quanta intensidade! Quanta cumplicidade!

    Puro amor! Alma de poeta!

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, Célia!
    Quando único caminho para felicidade é o que encontraremos a pessoa amada.
    Seu poema contém sabedoria, romantismo e bela poesia.
    Tem um ritmo singular mesmo sendo feito com verso livre.

    Parabéns pela maestria!

    Abraços do amigo de sempre!

    ResponderExcluir
  6. Célia,
    Eu tenho uma admiração por quem usa poucas palavras e diz tudo!
    Quando eu crescer, eu quero saber escrever assim.
    muitos beijos

    ResponderExcluir
  7. Célia, esse poema ficou perfeito. Eu até copiei...rs
    O amor é mesmo assim: intenso e simples ao mesmo tempo!
    Abraços, com carinho

    ResponderExcluir
  8. Que finalização perfeita nesse poema, Célia! Muito bonito! Ah, continuo votando no desenho. Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Celia,que delicioso caminho que leva a esse encontro de olhares!Linda demais sua poesia!bjs,

    ResponderExcluir
  10. Quando há sintonia as palavras são supérfluas...
    Belos versos!

    Um abraço

    ResponderExcluir
  11. Olá Célia!

    Não são necessárias muitas palavras para poetizar o belo caminho do amor. Coisa de poetisa. Parabéns!

    Obrigado por suas visitas e comentários no A arte da vida.

    ResponderExcluir
  12. Olá querida Célia, bela poesia! Feliz do ser humano que consegue carregar em ti, a força emocional e inspiradora das palavras, para transforma-las um dia, em poesia. Você é esse tipo de ser, com certeza. Um beijo no seu coração.

    ResponderExcluir
  13. Célia,
    Esta poesia é de extrema doçura.
    Linda!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Célia, em tão poucas palavras, sua poesia disse muito.
    Gosto quando me encontro no que leio, e eu vivo a percorrer essa estrada no infinito, quando desejo rever um certo alguém.

    Lindo minha querida.
    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  15. Olá, como está?

    Depois de muitas tarefas,
    eis que começo a ter tempo para visitar os amigos!

    Bjss

    ResponderExcluir
  16. "No sorriso, a certeza do que somos..."
    Há amores eternos, há sim e nada impede ou impedirá esse encontro, nada. Ele acontecerá, apesar de tudo e de todos. Espero por ele e sei que acontecerá brevemente.
    Maravilhoso! Um texto emocionante.
    Beijokas e meu carinho.

    ResponderExcluir
  17. Bonito Poema e linda Foto ! Gostei muito.

    ResponderExcluir
  18. Amiga, você vive como se estivessem juntos, lindo isto! Beijos

    ResponderExcluir
  19. Amor de longa
    existência ,maduro,forte ,verdadeiro,não precisa de palavras,basta um olhar,um sorriso para encontrar a certeza deste amor....
    beijos,linda noite...

    ResponderExcluir
  20. Um lindo caminho de encontros para você. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  21. Bom dia minha querida amiga das letras!
    Seu cantinho está se tornando grande,mas de cultura,kkkkkkkkk
    Ai! minha querida,como gosto desse caminho infinito,onde vemos o que queremos ,sem opressão...e quando o vento vêem em nossa direção,achamos que trouxe os sinais ocultos...
    Bjs e tenha um dia fenomenal!

    ResponderExcluir
  22. Olá Célia, mais uma vez passando pelo seu belo espaço para apreciar suas lindas poesias.

    Bjs

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.