domingo, 11 de dezembro de 2011

Apenas Ele!



Deus sonhou pra mim,
e eu não pedi.

Deus colocou-me caminhos,
e eu não pedi.

Deus me fez gente,
e eu não pedi.

Deus me ouviu,
e eu não pedi.

Deus me enxergou,
e eu não pedi.

Deus me carregou no colo,
e eu não pedi.

Em devaneios tive amores,
e eu não pedi.

Então...
Como gente liberto-me da autossuficiência,
ouço e vejo a misericórdia do Criador,
aceito-me em processo de libertação,
e, em infinita experiência amorosa,
aprimoro-me renascendo das minhas misérias...

Célia 



15 comentários:

  1. CÉLIA, QUE POEMA LINDO...EM FORMA DE ORAÇÃO!!
    SEM MAIS COMENTÁRIOS....ISSO BASTA! BEIJO

    ResponderExcluir
  2. Celia,um convite a nos colocarmos cada vez mais nas mãos do Pai!Muito linda msg!Bjs,

    ResponderExcluir
  3. Nós estamos sempre no plano DELE, não importa se erramos, ou o que fizemos, ele nos ama do mesmo jeito, nos perdoa e sempre seremos seu filho. E com sua humildade é ainda mais amada por ELE. Uma ótima semana, Célia, tudo de bom. Um abraço!

    ResponderExcluir
  4. Boa noite minha amiga das letras!
    Apenas ele nos dar a maior dádiva que é o amor,que nos ensina a ouvir,a compreender,a proteger e a amar...
    Bjssssssssssss

    ResponderExcluir
  5. Tudo que nos acontece é plano Dele, como diz a sua Palavra: Foste vós que plasmastes as entranhas de meu corpo, Vós me tecestes no seio de minha mãe. Salmo 138, 13. Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, amiga Célia!
    O bom é agradecermos a Deus diariamente por tudo que fez e faz por nós pela nossa necessidade e não pelo que merecemos.
    Poucos fazem poemas homilético iguais a você.

    Parabéns pela expertise!

    Obrigado pela frequência no meu blog!

    Abraços cordiais do amigo!

    ResponderExcluir
  7. Célia, suas palavras se tornam oração aos olhos meus.
    Senti uma paz inexplicável e do meu coração um louvor ao nosso Criador, sendo tão pequena, mas tendo Ele pra me tornar forte e feliz.

    Beijos.
    Amo sua sensibilidade.

    ResponderExcluir
  8. Essa humildade e essa gratidão... se todos tivéssemos, esse vale de lágrimas seria bem outro! Um grande abraço e parabéns pelo texto, Célia.

    ResponderExcluir
  9. Ai, Célia, não é nada fácil libertar-se da autossuficiência e entregar-se à divina providência. Feliz de quem consegue. Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Em sintonia com Deus aprendemos a aprender sempre.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde, Célia. Muito bonito o seu poema. Deus faz tudo por nós sem pedirmos, e muitas vezes não reconhecemos. A misericórdia dEle é tudo de lindo que temos na nossa vida, saber que podemos contar com a Sua graça sempre.
    Deus espalha amor e generosidade no coração de quem quiser aceitar.
    A gratidão bem expressa por você revela o quanto o seu coração é abençoado.
    Tenha uma semana de paz.
    Um beijo na sua alma.

    OBS: QUERO AGRADECER PELO SEU CARINHO E PRESENÇA EM MEU BLOG E COMIGO. VOCÊ É UMA PESSOA FIEL, ME ACOMPANHA SEMPRE, E EU TE AGRADEÇO DE CORAÇÃO!

    ResponderExcluir
  12. Deixo abaixo meu comentário sobre seu lindo poema:
    Fiquei muito impressionada com estes versos...
    Lindos, profundos e nos faz refletir sobre nossa condição de filhos de Deus!
    Beijão. Marineide.

    ResponderExcluir
  13. Celia, passei para reler sua linda poesia e desejar um bom dia!bjs,

    ResponderExcluir
  14. Oi Celia,

    ele sempre nos dá mais do que pedimos ou pensamos, não é mesmo?

    Lindo poema, como sempre, até desconfio que tens flores nas pontas dos dedos, sempre encanta.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  15. Bonito Poema ! Acreditemos em Deus e nada nos falterá

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.