quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Outra vez




Amanhece outro dia

Penso em renovação

Escolher vestir o corpo

Com a alma que ele carrega

Translúcida e altiva

Azul da paz interior

Que vela todo o meu ser

Há esperas de felizes momentos

Marcas do novo que acontece

Que libertos serão

Em nome do amor que tatua

Símbolo de um bem-querer imenso

Essencial, poético e feliz

O resto... é relativo... dispensável.


Célia

17 comentários:

  1. Lindo lindo Srta, enquanto nosso coração estiver ligado a nossa essência estaremos evoluindo, abraços

    ResponderExcluir
  2. Belo alvorecer minha amiga das letras !
    Te envio os primeiros raios de sol daqui da minha Paraiba(lugar onde o sol nasce primeiro)só prá te iluminar...e poderes nos trazer mais escritas lindas e cheias de vida que dás ao teu poetar.Eu ainda vou ter nas mãos um livro seu...tou torcendo por isso faz tempo.E vc sabe que água mole em pedra dura bate até que fura...
    Bjs de um bom dia iluminado!

    ResponderExcluir
  3. A cada amanhece uma nova esperança.beijoss

    ResponderExcluir
  4. Oi Celia, lindo isso, ter consciencia que somos mais do que a simples matéria.
    Linda poesia e imagem.
    Bjs flor e otimo dia pra voce.

    ResponderExcluir
  5. Celia,tem razão!Ter um bem querer,isso é essencial!Ficou linda sua poesia!Bjs,

    ResponderExcluir
  6. Adorei!!!!!!!! muito lindo, como vc consegue se expressar nas postagens, estou te seguindo siga meu blog? http://teensfashionblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Amiga, o amor é essencial como respirar! Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi Célia,

    fascinado com o amanhecer de teu coração posto assim de forma tão singela e colorido com teu talento. Amei!

    Uma 5ª feira maravilhosa para você!

    ResponderExcluir
  9. Lindo. Devemos pensar em renovação todos os dias. Bjs

    ResponderExcluir
  10. Só amor interessa, o resto é acessório e todas as manhãs devemos vestí-lo e mostrá-lo ao mundo,
    lindo poema Célia, inspira a renovar

    ResponderExcluir
  11. Muito bacana Célia, para pessoas iluminadas que irradiam paz sempre haverão novos e felizes momentos! Abçs querida Célia!

    ResponderExcluir
  12. Qualquer escolha que fizer para vestir o corpo, cairá muito bem com
    essa alma linda, azul...E, quanto ao resto, dispense mesmo...de nada servirá! Belo poema, usarei como reflexão.
    Abraço

    ResponderExcluir
  13. Esse sentimento é aquele que nos leva a ter um belo dia, já sentido no alvorecer.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  14. Todos os dias, a gente se renova, um pouquinho que seja...
    procurando acrescentar, à energia interior, ânimo e cores.

    Beijos, Célia,
    da Lúcia

    ResponderExcluir
  15. O resto é, de facto, dispensável!
    Beijinho, Célia.

    ResponderExcluir
  16. Oi, Célia. Que lindo Célia! È preciso renovar cada dia. Grande abraço e bjos carinhosos pra vc!

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.