domingo, 2 de setembro de 2012

Imagens audíveis














 
 

Ouvir, ouvir, ouvir

Assimilar, assimilar, assimilar

Aconchegar, aconchegar, aconchegar

Internalizar, internalizar, internalizar

Retroalimentar, retroalimentar, retroalimentar

Sonhos, utopias, ou realidades

Ser ouvido amigo e coração acolhedor

Sempre com a inteligência que a vida exige

Não interferir, agir só com muita competência

Naquilo que se quer atingir

Ou, silenciar-se na inteligência da resposta,

Que o momento requer e a pessoa consegue captar

Inteligente medida econômica de contrariedades.

 

Célia Rangel, autora.
*Cia dos Blogueiros
*Clube de Autores
 
(img:Google)

 

 

27 comentários:

  1. Olá, Célia. Passando pra desejar um ótimo fim de tarde. Parabéns pelo lindo post! Bjos carinhosos e feliz semana.

    ResponderExcluir
  2. Lindo, as palavras conseguem expressar muito, mas o silencio em um curto ou até mesmo médio espaço de tempo, consegue fazer muito mais.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Oi Célia,

    O silêncio é recheado de inteligência e sabedoria pois nos permite ouvir, antes de tudo, nossas almas.

    Bjs

    Leila

    ResponderExcluir
  4. Nem sempre o silêncio é entendido, mas muitas vezes se faz necessário. Um grande abraço, uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  5. Oi Célia,

    Tudo bem? O silêncio pode ser considerado como uma resposta, mas quando em excesso pode ser o fim. Pode ser sabedoria, mas pode ser omissão. Desejo um silêncio audível que possa ser o meio termo ou a relatividade contra qualquer excesso.

    Beijos e boa semana.

    ResponderExcluir
  6. Célia, precisamos muitas vezes apenas ouvir ao invés de só falar....
    Grande abraço e uma semana abençoada!

    ResponderExcluir
  7. Célia, muitas vezes a gente precisa ser só "ouvido", e dessa forma conseguimos estar em total sintonia com o nosso próximo.

    Gosto de sua escrita, poesias que não só leio, declamo aqui e amo!

    Beijos com carinho.
    Desejo uma semana de paz e muita inspiração.

    ResponderExcluir

  8. Olá!Boa noite!
    Célia!
    Eu gostei do formato poético!
    ...muitas vezes quando o som do silêncio for maior ... as palavras foram ouvidas e a
    realidade foi enxergada com clareza...
    Boa semana!
    Obrigado!
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Amiga Célia! Que texto lindo! Nem tudo precisa ser dito pra ser entendido... muitas vezes o silêncio exprime mais... através de um olhar... Em muitas situações, escutar apenas, já basta.... Hoje, 03/09, tem post novo!
    Abraço fraterno, saudoso e carinhoso!
    Um início de semana iluminado!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. É muito inteligente não tocar no andamento natural das coisas, acho! abraços

    ResponderExcluir
  11. "Silenciar-se na inteligência da resposta"....ainda é o de melhor!
    Mas, veja, terá que se expulsar as imagens audíveis, caso contrário
    elas soarão insistentemente em nossa percepção.
    beijo.

    ResponderExcluir
  12. Celia,grande sensibilidade nessa poesia!Muitas vezes é melhor escutar e calar-se até compreender!bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  13. Um bem audível parabéns pelo texto, Célia. Abraços.

    ResponderExcluir
  14. Gostei Célia, as vezes ouvimos desabafos de amigos e logo vamos dando pitacos, o problema é que muitas vezes a situação se resolve e dependendo do que dissemos acabamos comprometidos na história, Ouvir sempre, falar com prudencia! Bjoooosss

    ResponderExcluir
  15. Oi, Célia! Sou muito auditiva, mas ainda não consigo calar-me com a "fluência" que gostaria. Quero tornar-me poliglota em silêncios oportunos. :) Amei o poema. Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Perfeito...isso é agir com inteligencia e até com sabedoria... tem horas que agradeço a mim mesma por me silenciar diante de algo... mas confesso que nem sempre consigo agir assim, mas vou me aperfeiçoando.
    Boa semana querida, beijinhos,
    Valéria

    ResponderExcluir
  17. Célia, um beijo no seu coração. É sempre um renovado prazer poder estar na sua página e ler suas publicações.

    ResponderExcluir
  18. OI CÉLIA!
    LINDO!
    ATÉ PORQUE, MUITAS VEZES O SILENCIO FALA MAIS QUE MIL PALAVRAS...
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  19. Ahhh lindo!
    É preciso saber ouvir o silêncio tbm.

    Beijos Grandes
    Canela
    Ü

    ResponderExcluir
  20. Oi Célia querida


    Sua delicadeza nas palavras me deixa encantada.
    Perfeito!!!! Ainda seria modesto pra essa postagem de hoje.

    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir

  21. Oi Célia,

    Gostei muito do estilo diferente deste poema.

    "Inteligente medida econômica de contrariedades".- Sem dúvida, seria o resultado vitorioso do saber ouvir e silenciar no momento oportuno. Não é fácil, mas cabe-nos
    tentar sempre.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  22. Quando é necessário opinar, a prudência é primordial.
    Considero o seu poema tão inteligente quanto prático,
    para uma perfeita convivência..Oportuno, em tempo de diálogos!

    Um beijo, Célia,
    da lúcia

    ResponderExcluir
  23. Oi Celinha, saber ouvir, saber falar e saber falar-se... realmente necessario.
    Amei..
    Bjks e otima tarde

    ResponderExcluir
  24. « ser ouvido e coração acolhedor »
    é ter a capacidade de escutar e compreender
    fazer silêncio quando o momento exige
    e deixar brotar do coração uma flor
    para apoiar um amigo...
    ou alguém que de nós precise
    « medida inteligente que economiza contrariedades »
    Olá, Célia... gostei muito deste inteligente e lindo poema! Belo espaço...
    Deixo um beijinho com amizade :)

    ResponderExcluir
  25. Olá, querida Célia
    Ser ouvido amigo e coração acolhedor"...
    Quanta majestade numa só pessoa!!!
    Muito bonita a sua forma de repetir o que deva ser por nós entendido...
    Estou indo pra uma Missão além fronteira e só retorno daqui a um mês...
    Passando hoje pra informar para que vc não fique preocupada com o meu "sumiço", viu???
    Entretanto, deixo post programado em todos os Blogs...
    Na volta, retribuirei os comentários deixados, se Deus quiser!!!
    Fiquemos com a Deus da paz!!!
    Bjs fraternos

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.