sábado, 6 de outubro de 2012

HAPPY HOUR INUSITADO










Era final de uma tarde. Seca. Desértica. Onde tudo ressecava. Até pensamentos. Via-se em minúscula sala, uma série de acontecimentos. Do interior do consultório, sai um profissional eletricista, com chaves de fendas e alicates, que quase me fez dar marcha à ré... O que estaria me esperando?
Na recepção, alguém que lastimava a sorte mal fadada de um desenlace, ao som de músicas remembers. E, todos lhe mostravam que sair dessa foi a sorte grande.
 Entram mais dois. Encerra-se o papo. Até porque na esclerose da vida, não sabiam onde estavam, e nem se estavam. Dia e hora certos? Ah! Isso já era querer saber demais. Ele falava remontado na voz dela. Ninguém se entendia. Embolada e enrolada, a pobre da atendente dizia “é só aguardar” e, o casal se entreolhava, e se perguntava “guardar o quê?”
Nessa confusão mental chega mais uma, perfil autoritário, já querendo carimbar o cartão do estacionamento e, ouvindo isso tudo, interveio “podem se sentar”... Ah! Pufe...  Despencaram no sofá.
Nisso tudo, eu já antevia que muita zebra acontecera no meu horário agendado proforma, pois o furdunço estava armado!
Quando parecia que as “coisas” se encaixavam sai de lá de dentro, uma cliente que não entendendo nada, resolve falar bem alto no celular, anunciando que era para vir buscá-la. Senta-se como uma estranha no ninho. Saindo, logo após, à francesa com olhar inquiridor!
Sufoco!
Daquele casal esclerosado, ela resolve fazer xixi e, com toda a sua limitação, o marido acompanha-a... Tipo: abre a porta, acende a luz, fecha a porta... Era o tá ruim com o tá pior... Após, situação banheiral resolvida, trancos na porta do mesmo... Lá vai o paciente marido abrir a mesma, e soltar sua senhora.
E o papo corria solto, e num cardápio variadíssimo... de gastronomia, a trânsito ruim, com soluções tipo eliminar ônibus na cidade. Eta povinho elitista esse mesmo. Tadinho do operário. Vai andar de quê? No lombo de uma mula?
E, para completar essa roda dentária e o happy hour ficar must, chega quem estava faltando... Pelo tamanho e linguajar, um “frost free”... que, em parceria com o ar condicionado no ambiente, fechava com chave de ouro a tarde inusitada de horários encavalados, e as éguas relinchando para ver quem seria atendida. Eu, que já estive nos páreos em jóqueis clubes finérrimos e, com segunda intenção de escritora, deixava que furassem a fila, sem nenhum ônus vital. Inspirava-me e ria embutido!
Assim, fui colhendo do refrigerado, ar e homem, e da bela adormecida, atendente, nuances para essa crônica, de um final de tarde empolgante, até porque terminara quatro meses de aventuras dentárias!
Fui... Até a próxima!
 

Célia Rangel, autora.
*Cia dos Blogueiros
*Clube de Autores

  (Google Imagens)

32 comentários:

  1. Célia incrível a variedade de comportamentos que encontramos em uma recepção de consultórios, mas sem duvida o melhor de tudo isso foi encerrar por hora o tratamento, afinal quem gosta de dentistas! Bjooosss

    ResponderExcluir
  2. Como pode, um pedaço de tarde ser tão rico, e tão bem retratado, numa inusitada crônica.
    Você descrevendo, com tanta perfeição,fêz-me sentir uma espectadora, sentadinha na sala de espera do meu dentista, como venho ficando, há uns dois meses...Às vezes, me divirto, como agora!
    Um beijo, Célia, bom domingo!

    ResponderExcluir
  3. OI CÉLIA!
    É, CONSULTÓRIOS DENTÁRIOS OU MÉDICOS, SEMPRE RENDEM UMA BOA CRÔNICA, É SÓ NÃO TER MUITA PRESSA E TER O DOM DE ESCRITORA...
    ABRÇS
    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  4. Olá, Célia
    Gostei imenso desta sua crónica, fruto da observação dos "pacientes" numa sala de espera de um dentista.
    Revela uma observação muito arguta e clara, com um pouquinho de humor à mistura, dando-lhe aquele toque que a torna ainda mais interessante. Como ando a tratar os dentes, na minha próxima ida ao consultório vou observar...

    Bom Domingo. Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Uma crônica que por mim foi visualizada em detalhes.
    Não tenho esse dom, mas admiro quem tem.

    Parabéns Célia, perfeito.

    Beijos de uma noite de paz e um domingo delicioso.

    ResponderExcluir
  6. Oi Célia,

    Tudo bem? Diria que em consultórios, a vida se expressa como ela é. Penso que a confusão de atraso, telefonemas, ansiedade, etc, são ingredientes para uma granada urbana. E quando se pensa no desespero de quem depende do SUS, agrega-se a desperança.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Este pensador, viajeiro entre Sois
    Esta Ave pousada em mil embarcações
    Esbarco que passa sem vela ou remo
    Esta arca repleta de vibrantes emoções

    Esta mestiça flor de açafrão
    Este ramo de espinhos cravados na mão
    Esta alma que não ousa largar opinião
    Este homem vestido de solidão

    Bom fim de semana

    Doce beijo

    ResponderExcluir
  8. nos consultórios acabamos por ver como é a população e o seu comportamento, o povo como co é
    beijos

    ResponderExcluir
  9. Célia,

    Gostoso ler tua crônica, tem o dom para.
    Mergulhei e sorri do tragicômico do humano.

    Beijos,

    Anna Amorim

    ResponderExcluir
  10. Oi Célia, adorei o texto, muto bonito. Você escreve muito bem, parabéns.
    Tenha uma ótima semana, bjs!

    ResponderExcluir
  11. belo exto célia. Deus abençoe e ótima semana!

    ResponderExcluir
  12. Consultório de dentista, Célia? Tô fora!
    Gostei do texto.
    Aquele abraço,
    Jorge

    ResponderExcluir
  13. Difícil extrair humor da espera angustiante na recepção de um consultório. Você conseguiu. Gostei, Célia!

    ResponderExcluir
  14. rsrsrsrsrs Eu vi a foto do post no painel do Blogger e vim pra cá com o coração na mão, pensando: "Pobrezinha da Célia, precisou ir ao dentista de uma hora pra outra! Deve estar sofrendo horrores. Vou lá dar uma força." Nem imaginei que fosse encontrar uma crônica divertida dessas. Parabéns mesmo!!! Adorei a "situação banheiral". :) Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Meu coração fica feliz quando você me visita
    Meu blog fica lindo com seu comentário
    Minha semana é bem mais feliz quando tenho noticias de você.
    Meu coração agradece quando você me carinha
    com suas doces palavras.
    Sua amizade é muito importante para mim,
    pois meu blog ilumina com sua presença.
    Uma semana na paz e na luz carinhosamente,Evanir.


    ResponderExcluir
  16. KKKKKK, você é como sempre digo muito espirituosa! Faz de tudo uma piada criativa e gostosa de ler! Beijos

    ResponderExcluir
  17. Olá, grande amiga Célia!
    O texto, além de criativa, está muito bem narrado com uma linguagem espirituosa, o que dá um tempero à fábula.
    Com uma história tão boa assim, dá até para esquecer a espera e a ânsia de ir ao dentista.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  18. Muito legal sua crônica Célia...também sou como você, vou observando tudo e quando vê, lá estou eu escrevendo alguma coisa sobre o que vi. Que alívio que acabou o tratamento, dentista nunca é muito bom de ir rsrsrs(os dentistas que me desculpem rsrsr)!
    Beijos, inspirada amiga,
    Valéria

    ResponderExcluir
  19. Célia, veja que tudo isso coube dentro de uma crônica curta, narrada de maneira inteligente e sem que o texto ficasse longo e, consequentemente cansativo. Desculpa, mas sou um leitor que ler observando, não só o conteúdo mas a sua forma em definição. Um grande beijo no seu coração.

    ResponderExcluir
  20. Legal Celia, adorei mesmo.
    Um texto bem divertido e descritivo. Bem próximo ao real do que se acontece num consultorio...
    Adorei sua presença tbm.
    Valeu
    Beijos e abraços
    Andreza Canela Castela

    ResponderExcluir
  21. Que cilada! rs Parabéns pelo talento!
    Fã!!! (sua)

    bjsMeus

    Catita

    ResponderExcluir
  22. Tarde de curtição! Senti até o calor da salinha abafada!

    ResponderExcluir
  23. Olá, parabéns pelo blog!
    Se você puder visite este blog:
    http://morgannascimento.blogspot.com.br/
    Obrigado pela atenção

    ResponderExcluir
  24. Estou bem afastada ,mais as saudades que sinto
    chega dói meu coração.
    Por meio dessas poucas palavras estou
    passando para deixar meu carinho,
    e dizer de uma forma ou de outra vou fazer
    de tudo para jamais ser esquecida.
    Foi para uma comemoração junto de todos
    amigos e (as) foi colocado no ar A Viagem desse
    Natal de 2012.
    Deixei na postagem um mimo caso gostar fica
    a vontade para trazer para seu blog.
    Um abraço carinhoso tenha certeza
    minha amizade é absolutamente e Sinceramente
    verdadeira.
    Carinhosamente,Evanir..

    ResponderExcluir
  25. “De repente, num instante fugaz, os fogos de artifício anunciam que o ano novo está presente e o ano velho ficou para trás”.
    Que as realizações alcançadas este ano, sejam apenas sementes plantadas, que serão colhidas com maior sucesso no ano vindouro.
    “Que a chuva da paz, da esperança, da felicidade e do amor te pegue com o guarda-chuva quebrado e molhe a todos que estejam ao teu redor”.
    “Estas frases é uma caixinha cheia de alegria, embrulhada com carinho, selada com um sorriso e enviada com sinceros votos de; Feliz 2013!

    ResponderExcluir
  26. Pai, abençoe os que neste dia te agradeceram a vida,
    pois os que sabem agradecer estão prontos para a alegria.
    Pai, abençoa os apressados,
    pois ainda precisam aprender a controlar o tempo.
    Pai, abençoa os que levam a alegria por onde vão,
    porque são emissários da luz, e o mundo precisa de luz.
    Por fim, Pai, meu Pai, ensina-nos a crer na mensagem do seu Filho mais amado,
    a amar ao nosso próximo como á nós mesmos.
    A poucas horas do final de mais um ano
    rendemos graças ao Pai por mais um ano vivido.
    E oremos rogando a nosso Pai pelo novo ano que vai nascer
    saúde paz amor união e acima de tudo fé no Criador.
    Um feliz e abençoado Ano Novo.
    Obrigada pelo carinho em 2012 que venha 2013
    na presença de Deus.
    Beijos no coração carinhos na alma,Evanir..

    ResponderExcluir
  27. Olá querida amiga. Que em 2013 tenha todos os motivos para sorrir. Beijos.

    ResponderExcluir
  28. Carinhosamente venho desejar um feliz e abençoado final Domingo.
    Uma semana de Realizações. sonhos realizados,
    pois a vida é um constante recomeçar.
    Beijos paz e luz,Evanir.

    ResponderExcluir
  29. Um pouco de concentração, nada passa despercebido, ouvem-se "estórias" engraçadissimas,encontro muitas de tal maneira puras que mal acredito, nos tempos que correm!
    Gente de tal forma humilde ,não duvido ,que haja mais do que um mundo!
    Até breve
    Herminia

    ResponderExcluir
  30. Que Deus te abençoe
    Enquanto eu louvo,
    eu desejo que a benção de Deus se
    derrame em tua vida.
    E que Deus continue a abençoar
    da nossa amizade tão linda.
    E a vida seja simplesmente pura, paz.
    Passei para desejar um lindo dia,
    cheio de bençãos...
    Beijos e carinhos meus,Evanir..

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.