segunda-feira, 6 de maio de 2013

MÃE

Para ser mãe,
a solução foi transformar em
um consistente poema,
uma vida repleta de poesia.
Nada mais condizente
com quem agradece a cada por do sol,
e louva a cada amanhecer esplendoroso,
na alegria da vida,
no pulsar de uma energia,
de doação imensa...
Com submissão total ao amor materno
em gerar, parir, criar, encaminhar e,
caminhar sempre lado a lado
extasiando-se com a coautoria da criação.
 
Célia Rangel
(imagem Google)


20 comentários:

  1. Lindo poema. Parabéns!Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  2. Boa noite minha amiga das letras !
    É sempre em viagem que vejo o mais terno poetar que extrai sempre em palavras que torna sempre um belo texto.
    Bjssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  3. Amiga querida, mais uma vez você foi além. Parabéns pela mãe especial e pela escritora talentosa! Um beijo!

    ResponderExcluir
  4. Muito belo, Célia! Todos os versos que se possa criar ainda ficariam a dever, quando o tema são as mães. Bjs.

    ResponderExcluir


  5. LINDO, Célia.
    Bela e inspirada homenagem.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  6. Uma linda Poesia acompanhada por uma linda rosa !

    ResponderExcluir
  7. Cada gesto de mãe é um linda poesia em si! linda poesia Srta, abraços

    ResponderExcluir
  8. Olá, Célia.

    Belos versos para cada mãe que acolhe o dom da maternidade, a dadiva de vivificar o amor. Mãe de verdade tem em si a poesia da vida que alvorece e floresce, iluminando e perfumando o existir.

    Um abração.

    ResponderExcluir
  9. Bela, a tua visão da maternidade, Célia. Pela primeira vez, passarei sem minha mãe. tenha um bom dia.

    ResponderExcluir
  10. Nossa sagrada missão.... bjão

    ResponderExcluir
  11. Ser mãe é tarefe árdua. Tão árdua que nem consigo comentar sobre. No aprendizado do dia a dia, aprendo, mas logo me esqueço do quão importante esta Personagem é para a História da Criação.

    ResponderExcluir
  12. Oi, Célia! Pra mim, mães são super-heroínas. Até as "desnaturadas" merecem respeito porque não faziam ideia da empreitada em que estavam se metendo quando resolveram encarar "a coautoria da criação". Lindo poema! Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Lindo poema Celia ..parabens..Otima terça -feira..

    ResponderExcluir
  14. Mãe! E nunca são demais todas as homenagens!
    Belo
    Beijinho

    ResponderExcluir
  15. Célia, Querida

    Um sublime Poema de uma Mãe, para as Mães.
    Que a suprema forma de ser, seja honrada e elevada ao seu real lugar dentro da família e da sociedade.
    Parabéns




    Beijos



    SOL

    ResponderExcluir
  16. Linda poesia Célia, desde já parabéns p todas nós mamães! Bjooos

    ResponderExcluir
  17. Oi Célia
    Nossa! Que lindo poema, me emocionei! Ser mãe é tudo isso e mais um pouco mesmo né?!
    Bjos.

    ResponderExcluir
  18. Olá, Célia.
    As suas palavras, sábias. Como diria um autor famoso " de mulher, pra mulher".
    Que Deus, continue a iluminar a sua vida.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  19. Célia, mãe é o presente mais maravilhoso que Deus nos concede!
    Louvo a Deus por minha mãezinha e por todas as mães espalhadas no mundo!
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  20. Querida amiga, como nos extasiamos com nossa criação, e só a felicidade deles é que nos faz felizes e realizadas. Um Feliz dia das Mães para está amiga mãezona!

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.