segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Uma Foto que dispensa Palavras...


Síria: Maristas azuis

Até quando poderíamos resistir? Por
que continuar no país? Que nos espera
amanhã? Qual será nosso destino?
E onde será nosso próximo destino
Como proteger nossas crianças? Aonde
ir com nossas pessoas idosas ou enfermas?
Aqueles que fugiram do inferno, estarão mais
felizes que nós? Quem permitiu que sofrêssemos
esse horror? Quem será o mandatário?
Por que nós? Por que toda essa obstinação
em transformar o homem e a mulher que
somos em objeto de matança?
Onde buscar uma palavra de esperança? Palavras
de consolação?
Que vestimenta escolher, senão a do luto?
Queremos terminar com o desejo que
o Papa Francisco expressou durante o
ângelus do domingo 25 de agosto de
2013:
“Que cesse o ruído das armas na Síria!”
Ir. Georges Sabe
 
Célia Rangel, educadora marista.


18 comentários:

  1. Impressionante ! Triste tudo o que acontece lá! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Realmente, é uma atrocidade o que acontece por lá. Que o Homem lá de cima tome conte. E que todos, aqui embaixo, também façam sua parte. Abraços, Célia.

    ResponderExcluir
  3. Célia, texto reflexivo, realmente a foto dispensa palavras, pois assim como a criancinha, em sua inocência que não entende tamanhas atrocidades, todos nós que cremos na vida não podemos avaliar até que ponto tudo isso vai chegar, "Que cesse o ruído das armas na Síria", mesmo as que poderão ser usadas para retaliação.
    Abraços amiga linda e querida!

    ResponderExcluir
  4. Bela foto mesmo!! Que Deus tome conta desse pais, que esta sendo devastado pelas mãos dos homens.

    ResponderExcluir
  5. Lamentável! Vergonhosamente lamentável!

    ResponderExcluir
  6. É muito triste a separação violenta de pessoas que se amam.
    Ficamos com as perguntas... por quê?

    ResponderExcluir
  7. Por que não aperta-se as mãos, não se apaga as chamas? é tão fácil, não é? abraços

    ResponderExcluir
  8. Verdade Célia, sem palavras para a foto!
    Simplesmente fantástico!
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  9. Pena gente matando gente!
    O ser humano ainda não se deu conta que não importa em o que cada um acredita....

    ResponderExcluir
  10. Olá Célia,

    Triste demais essa realidade!

    Incrível a imagem!

    PS:Até que enfim consegui te seguir com o novo pefil! Tenho tido dificuldades com isso...

    Beijos e tenha lindo dia!

    ResponderExcluir
  11. É Célia, muito triste, parece que lá a radicalidade, a ânsia do poder, e principalmente o orgulho e a falta de respeito para com o ser humano imperam, usam como desculpa a fé, que todos sabemos em qualquer doutrina tem como base principal o amor ao próximo, pena, cada um entende como lhe convém, o outro comentário que eu estava escrevendo sumiu, se foi para você por favor desconsidere, beijos Luconi

    ResponderExcluir
  12. ok Célia o seu o nosso lamento com certeza Deus está ouvindo e vendo os horrores, nada que já não fosse profetizado e esperado...Faço parte do Cenáculo com Maria às segundas -feiras e é impressionante como a leitura do texto de ontem , datado de 21/05/1987 já nos alertava dos perigos desta convulsão social, mas ao mesmo tempo ela nos conforta e consola pedindo oração e paz no coração dos homens. Que a razão motive o Presidente americano e que a ânsia pelo poder seja superada pela harmonia entre os homens. A oração é força , a união em torno muito mais. Belo poema!

    ResponderExcluir
  13. Hola Célia, comprendo bien tus palabras heridas, pero ¿Qué podemos hacer? Solo nos queda orar que el hombre entre en razón.
    La foto es una preciosidad y con la virgen, me ha emocionado.
    con ternura
    Sor.Cecilia

    ResponderExcluir
  14. Bom dia, Célia. A pureza da criança que simboliza a esperança de um futuro de paz, sem guerra.
    Infelizmente não é o que creio que acontecerá, uma vez que a maldade humana cresce desmedidamente, que até assusta!
    Quisera que Deus morasse nos corações dos homens provocadores das guerras, pois eles pensam que em nome dEle, justifica-se toda e qualquer atrocidade.
    Deus é paz e sempre será.
    Beijo grande e lindo setembro.

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.