sábado, 1 de fevereiro de 2014

Face nas entrelinhas...




Face

Dupla face

Que de qualquer lado

É face amiga

Face que roço

Que amo

E que me atrai

Face possuidora

De olhos

Que me possuem

Que me atraem

Face que imprimo

No deserto do meu ser

Sua face.


Célia Rangel


32 comentários:

  1. LIUNDO!Demais,Célia! bjs, ótimo fevereiro,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Chica! Você sempre presente e me incentivando!
      Bjs.

      Excluir
  2. Sua poesia ficou maravilhosa! Imprimimos nossa face naquilo que escrevemos! bjs,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, Anne! Revelamos nosso interior em nossas palavras!
      Obrigada pelo seu carinho motivador!
      Bjs.

      Excluir
  3. A face que somos é reflexo da face da Alma que temos. Difícil esconder essa face que reflecte, como um espelho, a imagem de "dentro".

    Beijos


    SOL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SOL! Você enxergou-me refletida no espelho desse poema!
      Obrigada, generoso poeta!
      Abraço.

      Excluir
  4. Boa tarde, Célia. Belíssima ficou a poesia. Na face vemos e sentimos o calor ou a frieza, nos abraçamos a ela, contemplando sua beleza, registrando suas vibrações.
    Nela nos perdemos e nos encontramos, amamos ou odiamos, repousamos na paz ou no calor do inferno.
    Aqui, ela traduz a mais perfeita harmonia do amor!
    Amei!
    Tenha um excelente fim de semana de paz!
    Beijos na alma!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Patrícia! Obrigada por sua participação e comentário! Realmente, "amo" analisar e me perder nas expressões das faces, do olhar, dos que amo!
      Bjs.

      Excluir
  5. OI CÉLIA!
    FACE, QUE ESTRANHA PARA OS OUTROS, NOS PERTENCE, TOTALMENTE, NOS TORNANDO CATIVOS...
    INSPIRAÇÃO LINDA E INSTIGANTE.
    GAL CANTANDO SÓ ABRILHANTA TEU TEXTO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, xará... Olhares, faces, expressões compõem toda a intensidade de um grande amor! Ficar com uma imagem aconchegada na alma é realmente instigante e motivador para seguirmos a vida!
      Bjs.

      Excluir
  6. Oi, Célia. Que bela inspiração! Adorei querida poetisa. Simplesmente lindo!! Ouvir Gal tudo perfeito. Bjos Célia! Obrigada pelo carinho e comentário no blog, que aumenta muito a minha responsabilidade. È um grande prazer vc por lá! Um lindo domingo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Expressar o amor em meus poemas é meu objetivo sempre!
      Obrigada, Cidinha por sua preença e comentário!
      Bjs.

      Excluir
  7. O que mais encanta no ser humana é a capacidade de sempre surpreender, de estar renovando,recriando, de expressar a beleza e mil e uma facetas e aqui em tua poesia denota toda essa riqueza dos sentidos,da entrega a qual faz da poesia ser o que é.


    Bravo!

    Grande abraço,tenha uma nova semana repleta de alegrias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ronilda!
      Sua presença e comentário incentivam-me a continuar... "...riqueza dos sentidos"... é o que me move na escrita!
      Abraço.

      Excluir
  8. Lindo demais,a face!
    Adorei seu espaço,beijokas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, minha nova seguidora! Estarei lendo-a em breve!
      Abraço.

      Excluir
  9. Olá, Célia.

    Mais um belo grande "pequeno" poema. Só poetas de verdade, podem sintetizar, dizer tanto em poucos versos. Parabéns!

    Um abração e uma boa semana.

    ResponderExcluir
  10. Olá, Antonio!
    Seu comentário e sua presença só dignificam meu "Ofício de Escritor" (aliás, um excelente livro!)
    Obrigada, amigo!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  11. Oi Célia,

    Faces da mesma moeda...

    Lindo texto!

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, por sua presença e comentário, na medida exata de um bem-querer.
      Abraço.

      Excluir

  12. Que poema mais lindo, Célia!
    Belíssima inspiração.
    Face transparente, que reflete o interior de um ser e que nos queda pela beleza, luz e confiança que desperta. A face que nos atrai, nos fascina e que amamos fica sempre expressa no âmago do nosso ser. As expressões de uma face são reveladoras para quem as sabe ler.
    Gal, sempre fantástica.

    Ótimo restinho de domingo e excelente semana.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Vera Lúcia por seu comentário generoso! Fazer leitura de expressões faciais é um ato marcante em nossa inteligência emocional. Disto não tenho dúvida alguma.
      Abraço.

      Excluir
  13. Antes de estar aqui lendo o seu post Célia fiz um acróstico que acho que tem haver com a sua poesia, que convido-a a ler e ver no meu novo cantinho, onde estarei guardando as minhas dedicatórias as pessoas especiais que tem passado na minha vida deixando carinho no meu coração e lá está o meu por você!... http://dedicatoriasminhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fazer parte de "suas dedicatórias" de amizade é para mim uma honra!
      Obrigada, poeta Regilene!
      Abraço.

      Excluir
  14. Desculpa amiga, acabei não comentando esta linda poesia que é Face nas entrelinhas... Amo a tua face porque nela enxergo a tua alma... que a tua face amiga junte-se a minha em amizade e inspiração e colhamos muitas faces transparentes de ternura!

    Abraço fraterno,

    Regilene

    ResponderExcluir
  15. Obrigada por sua carinhosa presença em meu blog! "Ternurizar" será sempre meu objetivo de vida!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  16. Acho que serei a vigésima a dizer que seu poema é lindo, Célia. Mas é lindo mesmo. O que eu posso fazer? Vou tentar comentar primeiro. :) Parabéns!

    ResponderExcluir
  17. Oi, Carlinha! Assim, você alimenta uma massagem em meu "ego poético"... Quanta generosidade! Obrigada!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  18. Música linda e poema mais lindo ainda eternizando seu amor! Beijos

    ResponderExcluir
  19. Uma beleza a sua poesia, Célia.
    Adoro quando as palavras mostram suas diferentes faces e constroem versos que dão sentido aos significados da gente.
    Abraço.

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.