terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

O SENTIDO DA VIDA






 O sentido mais profundo e belo
 Da vida é inatingível,
 Admirável
 Além dos números e das letras.

 A consciência límpida e exata
 Do sentido profundo e belo da vida
 Despertaria prazer inimaginável
 E levaria a êxtase permanente.

 Não teria tempo
 De pensar em céus e paraísos
 Quem descobrisse da vida
 O sentido mais profundo e belo.


Ir. Lauro Darós

7 comentários:

  1. oi Cé

    todo os dias aprendemos mais, e que bom né?
    Triste seria passar a vida toda sem aprender nada.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  2. Boa Noite amiga!
    Vim agradecer sua visita e o lindo comentário que deixou no aniversario do blog.
    Saiba que sua participação é muito importante e é este carinho e atenção que impulsionam a continuidade deste trabalho.
    Ando um pouco ausente, volta as aulas e mesmo de férias não foi muito legal, minha netinha está adoentada e nos deixa sem graça para nada. Quando estava melhorando começou com muita febre e o Pediatra está suspeitando de Dengue, devido os resultados dos exames. Estamos confiando em Deus que tudo passe e que tudo volte ao normal. Minha outra netinha completa nove anos e estamos preparando a festinha dela e com todos esses acontecimentos inesperados,nos deixa sem chão, daí imagine, como anda minha cabeça. Por isso a demora para está aqui.
    Obrigada, que Jesus derrame chuvas de bênçãos sobre você e sua família.
    Bjuss
    prof Lourdes Duarte

    ResponderExcluir
  3. Célia, lindo, amei ler aqui sobre o "Sentido da Vida", a leveza do existir só se consegue quando se vive de forma plena, na maior simplicidade, foi bem escolhido o texto, todas as almas são poetas, a poesia é própria da essência da Vida!
    Abraços minha amiga, amo ler por aqui!

    ResponderExcluir
  4. Maravilha e cada um de nós deve pensar e repensar sobre isso! bjs, lindo dia! chica

    ResponderExcluir
  5. Boto pouca fé nessa história de que a vida tenha um sentido, Célia. Ainda assim, gostei do poema. Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Da beleza sempre poemos esperar mais.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  7. Que lindo poema!
    Profundas reflexões. Boa tarde!

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.