segunda-feira, 19 de maio de 2014

A arte de saber esperar...

















Uma generosa dose de boa vontade,

de compreensão, e de sabedoria.

Acreditar e esperar no tempo certo,

que tudo aconteça.

Fugir do pessimismo.

Não abrir a porta a medos interiores,

deixando-te engolir pela escuridão da desilusão.

Ao contrário, faças dias de sol e

noites de luas e estrelas!

Celebres com doçura e carinho a espera.

Tranquilizes teu coração com intensa luz,

e esperes o que for melhor para ti.

Tens uma existência sagrada.

Portanto, vivas o que te é oferecido.

E assim, com serenidade,

ouvir no silêncio a voz de tua mente

dialogando com tua alma.

Espere!



Célia Rangel
  

19 comentários:

  1. Saber esperar, ter essa paciência...Grande aprendizado! Lindo aqui! bjs,chica

    ResponderExcluir
  2. é dureza esperar pq tem esperas que duram longos anos. Mas quando esperarmos em Deus desenvolvemos paciência e fé.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  3. Bons conselhos, Célia. Como acontece toda pessoa ansiosa, esperar não é meu forte. Por isso, desenvolvi o truque de me manter ocupada com outras coisas enquanto espero. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que bálsamo pra uma segunda-feira! Obrigado, Célia.

    ResponderExcluir
  5. Uma verdadeira ode ao otimismo!!
    Muito belo, Célia!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Que coisa mais linda, Célia, sua poesia! Ela é um incentivo imenso para este começo de semana. A-do-rei!
    beijos cariocas

    ResponderExcluir
  7. olá, Célia. Boa noite! Belissima mensagem para um começo de semana. Obrigada! Maravilhosa sensibilidade. muita luz sempre! Bjos.

    ResponderExcluir
  8. Olá Célia,

    Saber esperar é mesmo uma arte e requer muita paciência. A ansiedade nos faz atropelar qualquer espera, fazendo-nos esquecer de que há um tempo para tudo.
    Como disse alguém, é preciso ter calma e esperar, pois "as rosas nunca floriram antes de ser primavera".
    Ótimos e sábios conselhos em seu belo texto poético.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  9. Nascemos com a Esperança, mas também com a impaciência. Separar uma da outra torna-se ciência.
    A tua Poesia destrinça ambas e renova a mensagem que todos desejamos. Só há que ter paciência bastante.
    Gostei do encadeado, do Poema, das palavras...



    Beijos


    SOL

    ResponderExcluir
  10. Viver o que nos é oferecido...disse tudo nessa frase,Celia! Muito linda e genial poesia! bjs,

    ResponderExcluir
  11. Bom dia,querida amiga!

    Seu trabalho é maravilhoso.
    Parabéns.
    um grande abraço
    Sinval

    ResponderExcluir
  12. Bela mensagem, Célia tua inspiração nos traz ensinamento à alma, adorei, beijos Luconi

    ResponderExcluir
  13. Bela lição de otimismo. Sua poesia me fez lembrar da música "Giz", da Legião Urbana, paixão da minha geração:
    "...Desenho toda a calçada
    Acaba o giz, tem tijolo de construção
    Eu rabisco o sol que a chuva apagou..."
    Beijo, Célia!

    ResponderExcluir
  14. Saber esperar é realmente coisa para os sábios...=)
    Trouxe-me paz esse teu escrito e um tanto de esperança..
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Belíssimo,

    Saber esperar é um dom...

    Abçs

    ResponderExcluir
  16. Uma reflexão, um exercício para atingirmos uma paz com sabedoria. O que mais se vê é gente correndo demais para chegar não sei onde. A vida deve ser degustada como o melhor dos vinhos!
    Você disse tudo, Célia.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  17. Um abraço bem forte, bem verdadeiro,
    abraço longo, cheio de sentimento.
    Venho deixar meu abraço pelo dia do abraço
    com muito carinho.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  18. Infelizmente muitas vezes somos ansiosos e não sabemos viver estas esperas, o que seria o ideal para sermos felizes! Beijos

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.