quinta-feira, 18 de setembro de 2014

INCOERENTE


 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Quanta complexidade... ser coerente
com tudo e com todos... cansa-se.

 
Equilibrar-se quando o ímpeto é bem outro
Bom senso, esgota-se.

Resistência em não apressar
Saber esperar...


O inverso – discordar – seria bom
Para que sentissem que também somos sensíveis.


Não compactuamos com obrigatoriedades
Integramos algumas, por conveniência...
 

Ainda assim, sobram muitas a nos cobrar, cobrar e recobrar.
Ficamos devedores, que se atormentem outros, não eu...

 
Ser coerente exige muito
Cansa mente e espirito.

 
Liberto-me em meu labirinto de pensamentos
Onde posso ser alma bela, incoerente, imprecisa e,
Surpreendente, como a vida!

 

Célia Rangel

17 comentários:

  1. Cansa mesmo muito mais ser coerente do que o contrário.Mas somos e não mudamos muito...bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Lindo, bem assim linda amiga, também não sou coerente o tempo inteiro, acho a vida uma preciosidade para ficar presa ao que esperam de mim, amei ler!
    Abraços apertados e tenhas um lindo fim de semana!

    ResponderExcluir
  3. Célia, tu me surpreendes cada vez mais! Agora, escancara em versos uma coisa que há muito me persegue: a dureza de ter que frear os sentimentos procurando ser coerente... A vontade é deixar-me levar para, como disseste, ter as surpresas que a vida, por vezes, nós dá!
    Tenhas um fim de semana proveitoso.

    ResponderExcluir
  4. Ando coerente demais, Célia. Isso só pode significar que a incoerência tá tramando alguma. Tremo e aguardo. :) Beijos e parabéns pelo poema!

    ResponderExcluir
  5. Perfeito texto, últimos versos matou a pau.......rsrs

    Abçs

    ResponderExcluir
  6. Olá, querida Célia
    Gostei muito do seu poema 'irreverente'...
    Aliás, muito bem escrito sem se perder na lógica do pensamento... Magnífico!!!
    Bjm fraterno

    ResponderExcluir
  7. Olá, Boa noite,Célia
    adorei essa parte:"Não compactuamos com obrigatoriedades. Integramos algumas, por conveniência...Ficamos devedores, que se atormentem outros, não eu..."
    O fato é que o ser humano é, basicamente, incoerente! A coerência depende do partilhar de conhecimentos(vivências,experiências etc ) entre A e B. Ou seja , uma configuração compatível entre A e B, para que algo seja coerente.Mas, desde pequenos vivemos em um mundo dicotômico, ou é A ou B e assim, ensinados a escolher entre A ou B , ‘certo’ ou ‘errado’ e sabendo que os eventos não são tão certos assim e que as pessoas, subjetividades, são incoerentes, quanto menos buscarmos (a coerência) , mais fácil vai ser (deveria ser) agir com coerência e ademais , como incoerentes não precisamos parecer coerentes e assim cansaremos menos!
    Obrigado pelo carinho, belo final de semana, beijos!

    ResponderExcluir
  8. Muito difícil ser coerente sempre, e nos cobram isto principalmente quando sempre fomos; dar um grito de liberdade às vezes é bom e incoerente, rsrsrsrs. Beijos

    ResponderExcluir
  9. Cabe-nos o direito e a liberdade de não compactuar com tudo e deixar que nos considerem incoerentes. Se nos analisam todo o tempo, não se voltam para si mesmos. Bem elaborado seu pensamento, que traz um grito por muitos abafado na garganta. Tenha um lindo domingo. Bjs.

    ResponderExcluir
  10. Obrigadão pelos carinhos todos,Célia! Lindo domingo! bjs, chica

    ResponderExcluir
  11. Célia eu estou aqui encantada, você disse tudo que realmente sentimos, como seria bom podermos ser incoerentes livres de vez enquanto, mas........... bjos Luconi

    ResponderExcluir
  12. Ai Celia, como eu gostei do seu poema! Cansa mesmo ser coerente sempre, ter essa obrigação ...e eu me identifiquei! bjs e boa semana pra vc,

    ResponderExcluir
  13. Os sentimentos assim "ditos" são uma espécie de meditação em forma Poética. A subtileza está nas "verdades" que são ditas.
    belo.


    Beijos


    SOL

    ResponderExcluir
  14. O ser humano, é composto de emoção e razão:é difícil,equilibrar!

    ResponderExcluir
  15. A coerência é um labirinto! abraços

    ResponderExcluir
  16. Até hoje...

    Você me encantou com a sua alma
    Emanando sua luz para o universo
    E nesse nosso encontro poético
    Aprendi a ler suas palavras de amor.
    São letras de muitos sentimentos
    Sensibilidade que toca a alma humana
    Elevando seu espírito a Deus!

    Essa é sua força
    Que emana de dentro
    Quem você é para o mundo
    E é isso que me encanta em você
    Esse seu sorriso interior
    Que me transmite seu infinito amor!

    Regilene Rodrigues Neves

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.