sábado, 15 de agosto de 2015

O Nome onde os Mundos começam...

QUANDO O SILÊNCIO COBRE O NOME

Havia um homem que dizia o nome de Deus.
Quando o coração lhe doía por uma criança que chorava,
ou um pobre que mendigava,
ele andava até a floresta,
acendia o fogo,
entoava canções
e dizia as palavras.
E Deus ouvia...

O tempo passou.
Voltou à mesma floresta.
Mas não carregava fogo nas mãos.
Só lhe restou cantar as canções
e dizer as palavras.
E Deus o atendeu ainda assim.

Um tempo mais longo se foi.
Sem fogo nas mãos,
sem força nas pernas,
não alcançou a floresta.
Mas do seu quarto
saíram as mesmas canções
e as mesmas palavras.
E Deus lhe disse que sim...

Chegou a velhice.
Nem floresta nem fogo ou canções...
Restaram as palavras.
E o mesmo milagre, ocorreu.

Por fim
sem fogo ou floresta,
sem canções ou palavras.
Só mesmo o infinito desejo
e o silêncio:
E Deus tudo entendeu...

Rubem Alves, "Pai Nosso: Meditações"

8 comentários:

  1. Bom dia Célia.
    Que historia mais linda, emocionante, com certeza onde a amor e compaixão, Deus sempre está pronto a ouvir e atender a suplica. Um lindo sábado. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Lindo e verdadeiro demais. Quando queremos e permitimos, estamos diante de Deus em nosso templo interior. Deus habita o espírito humano! Não precisa de ritos, palavras ou qualquer exterioridade, Deus escuta os corações e mentes sinceras.

    Um abração e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  3. Assim é, bênçãos em abundância sempre chegam, mesmo silenciosamente: que maravilha!
    Bom final de semana, Célia.
    Meu abraço!

    ResponderExcluir
  4. Que lindo, Célia...
    Deus sempre ouve as palavras nascidas do coração.
    Grande abraço. ótimo domingo!

    ResponderExcluir
  5. OI CÉLIA!
    QUE TEXTO MARAVILHOSO AMIGA.
    DEUS NOS OUVE SIM, BASTA QUE AS PALAVRAS NOS SAIAM DO CORAÇÃO.
    ABRÇS
    -http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Lindo, Deus nos ouve, ou melhor, sempre sabe o que precisamos, nós que muitas vezes estando em ansiedades nem percebemos né mesmo?
    Lindo seu belo poema/texto caiu como uma linda oração!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Anche se non comprendo perfettamente la tua lingua, ho apprezzato i concetti, i sentimenti, le cadenze ,le assonanze. Complimenti per questo bel blog.
    Un saluto dal Piemonte, Italia.

    ResponderExcluir
  8. Uma magnífica Palavra de Meditação. Deus te ouve.



    Beijos

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.