quinta-feira, 30 de abril de 2015

Divina Cecília!













Lua Adversa

Tenho fases, como a lua.
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.

Fases que vão e vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.

E roda a melancolia
seu interminável fuso!

Não me encontro com ninguém
(tenho fases como a lua...)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu...


Cecília Meireles MEIRELES, C. Poesia completa: Volume 2. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 2001.


* Também caminho por essas fases da "Lua"...
Célia.

quarta-feira, 29 de abril de 2015

...Uma pessoa feliz...

Relendo "A Grande Arte de Ser Feliz" - Rubem Alves - destaco:

[...] , "é preciso que a gente ame e seja amado. Amar e ser amado é isso: pensar numa pessoa ausente e sorrir. Ficar feliz sabendo que ela vai voltar. Ter alguém que escute e dê colo, sem dar conselhos. Andar de mãos dadas conversando abobrinhas. Olhar nos olhos da pessoa e sentir que ela está dizendo: "Como é bom que você existe!" Jogar frescobol com ela. Ser, simplesmente, sem pensar que há um para de olhos nos vigiando para nos cobrar algo. Conversar madrugada afora, sem pensar em sexo.

Guimarães Rosa disse mais ou menos o seguinte: "A coisa não está nem na partida e nem na chegada. Está é na travessia." A felicidade não acontece no final, depois da transa, depois do casamento, depois do filho, depois da formatura, depois de construída a casa, depois da riqueza, depois da viagem. A felicidade acontece no dia a dia. Felicidade é fruto na beira do abismo. É preciso colhê-lo e degustá-lo agora. Amanhã, ou ele já caiu, ou você já caiu"...

sábado, 25 de abril de 2015

O Sonho



Sonhe com aquilo que você quer ser,
porque você possui apenas uma vida
e nela só se tem uma chance
de fazer aquilo que quer.

Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.

As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades
que aparecem em seus caminhos.

A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
E para aqueles que reconhecem
a importância das pessoas que passaram por suas vidas.


Clarice Lispector


quarta-feira, 22 de abril de 2015

DIA INTERNACIONAL DA TERRA

DIA INTERNACIONAL DA TERRA
Ir. Lauro Daros

No Planeta verdejante não há espaços ermos,
os tempos criam,
a vegetação aceita e abriga a diversidade.

O mineral, o vegetal e o animal coexistem,
a existência possibilita a vida,
o ser inteligente cuida do seu habitat.

Os seres abióticos e bióticos se condicionam,
a seleção natural garante o equilíbrio,
a morte é um processo natural e estético.

O ambiente natural e o cultural completam-se,
o ser humano aceita-se natureza,
a Terra é cenário de alegria e de celebração.




segunda-feira, 20 de abril de 2015

Paz interior



Aconteça o que acontecer na sua vida, não perca a sua paz interior, ela é a força que você precisa para manter-se em equilíbrio mesmo durante as piores tempestades.
Nessa época de pessoas atormentadas por pesadelos, por frustrações e sonhos desfeitos, manter a paz é fundamental para não cair nas armadilhas da depressão.
A carga de informação que você recebe durante o seu dia, a pressão do trabalho, dos estudos e dos relacionamentos, acaba deixando seus nervos em pedacinhos.
Se você não estiver com o pensamento voltado para o seu bem estar, você não consegue manter o equilíbrio e ai, o seu fígado começa a sofrer as primeiras consequências, daí para as doenças do estômago como a gastrite, a úlcera e outros nomes não muito recomendáveis, é um passo.
É preciso que você coloque filtros em sua vida, e ao receber as notícias, sejam elas quais forem, analisar e rapidamente descartar o que não for realmente importante para sua caminhada.
Manter-se em paz é um exercício diário, porque muitos obstáculos estarão presentes no seu dia a dia, a começar pelo seu lar, onde sob o mesmo teto reúnem-se pessoas que não compartilham as mesmas ideias que você.
No trabalho outros problemas nos aguardam.
Manter o emprego esta cada vez mais difícil, devido a enorme competição imposta pelas empresas entre os funcionários, tornando o clima às vezes "infernal e insuportável".
Para complicar tem o seu relacionamento que anda às vezes tão complicado por coisas tão bobas, que você fica pensando, será que vale a pena?
E quando você está a sós, fica imaginando que não nasceu para amar e ser amado, que os anjos te esqueceram e outras besteiras que a solidão causa.
Tudo isso e mais aqueles amigos que acreditam que você é poderoso e usam seu ombro como se fosse um grande muro das lamentações e deixam você mais carregado de energias nada boas.
Cuide-se enquanto é tempo.
Para que sua paz continue, use estas regrinhas básicas:
- Use o bom senso ao ler as notícias.
- Pare de ir ao embalo dos alarmistas de plantão.
- Ao entrar no local de trabalho, faça uma prece em silêncio e cumprimente a todos com alegria.
- Respeite-se, se não estiver com vontade de falar com ninguém, retire-se e pare de fingir que está tudo bem.
- Peça ajuda. Para ajudar alguém precisamos estar muito bem. Se você não estiver bem, esqueça, você vai prejudicar a você e a quem pediu ajuda. A paz é uma conquista daqueles que se amam.
- Ame-se pelo amor de você mesmo! Ninguém tem o direito de invadir a sua paz e se o estão fazendo é porque você está permitindo.
- Reveja seus atos. Para manter a sua paz vale tudo: banhos relaxantes, orações, terapias, e muito amor. A paz é um exercício diário.
- Sorria mais, relaxe, busque um cantinho dentro de você para ser feliz. Você é responsável pelo seu bem estar. Estando feliz, o outro seguirá o seu exemplo.
- Acredite em você.
- Valorize-se. Você merece muito mais do que tem hoje, e vai conquistar se mantiver seu pensamento voltado para suas conquistas, sonhos e desejos.
Só existem dois dias no ano em que nada pode ser feito. Um se chama ontem e outro amanhã. Portanto, hoje é o dia certo para amar, acreditar, fazer, e principalmente viver.

(Dalai Lama)


sexta-feira, 17 de abril de 2015

Parada obrigatória!














Em minha porta chegasse
Dei-lhe vida e norte
Sem temer a morte
Que me crucificaria sem você.

Nossos sonhos eu prossigo
Com a delicadeza de um tempo
Recoberto por uma névoa tênue
Onde há alguém que ninguém vê.

Talvez minha visão sonâmbula
Persiste em lembranças apagadas
De um encontro marcado
Na vida que não me encontrou.

Não me importo
Prossigo o caminho que é só meu
Volto às origens e na bagagem meus poemas
Sentimentos misteriosos do breve retorno.


Célia Rangel

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Reconheço sua Voz



16 de Abril - Dia Mundial da Voz


Saúde vocal é o equilíbrio na utilização da voz - social e profissional - em busca de uma melhor qualidade de vida e melhor performance profissional
Com exceção dos profissionais que utilizam a voz como instrumento de trabalho e necessitam ter habilidades comunicativas como fala clara, voz saudável e agradável, as pessoas em seu dia a dia dificilmente se lembram de cuidar da voz e esquecem do poder que ela tem em uma comunicação verbal clara e eficiente e também na transmissão de emoções e do estado de humor.
Várias atitudes inadequadas com a saúde podem comprometer a preservação da boa qualidade da voz. A fonoaudióloga Me. Ana Elisa Moreira-Ferreira - diretora da Univoz - sinaliza abaixo alguns hábitos negativos e indica o que se deve evitar e também o que é benéfico para uma boa saúde vocal.

Hábitos negativos:

- Cigarros e drogas - são substâncias químicas que irritam as pregas vocais. Essa irritação pode trazer rouquidão, um dos primeiros sinais de que há algo errado com a garganta. A longo prazo essa rouquidão pode evoluir para lesões mais sérias. Existe forte relação entre o cigarro e o câncer de laringe;
- Tosse e pigarro constantes - são movimentos de alto impacto entre as pregas vocais, podendo machuca-las. Estão relacionados à varias causas como ressecamento da boca e garganta, alergias, rinite, sinusite, refluxo, fumo ou simplesmente um hábito. Descobrindo-se a causa fica fácil eliminá-los;
- Balas, pastilhas e sprays enquanto fala - principalmente as mais ardidas, causam falsa sensação de alivio, uma espécie de anestesia. Essa sensação faz a pessoa forçar a garganta;
- Receitas caseiras para melhorar problemas vocais - muitas receitas pertencem à crença popular. Em geral essas receitas têm componentes que não fazem bem à garganta, como por exemplo, gargarejo com líquidos ácidos - limão e vinagre. Esses componentes irritam as cordas vocais. Mesmo o gargarejo indicado em tratamento médico deve ser bem dosado e usado apenas no período recomendado por esse especialista;
Comer em excesso ou ingerir alimentos de difícil digestão - o refluxo de ácido do estômago para a garganta causa irritação;
Beber líquidos gelados, bebidas alcoólicas e praticar automedicação para melhorar a dor de garganta - esses são itens complementares na lista do que deve ser evitado.

Dicas importantes para uma boa preservação da saúde vocal:

-Descansar e dormir bem - a voz reflete o cansaço físico e a falta de ânimo;
- Beber muito líquido - principalmente água - hidratar as pregas vocais é fundamental e evita o ressecamento das mesmas. Com a hidratação, as pregas vocais vibram livremente;
- Manter a voz sempre no seu tom natural - não se deve fazer esforço ao falar;
- Manter sempre uma boa postura corporal;
- Poupar a voz - durantes crises alérgicas e estados gripais;
- Procurar auxílio médico e fonoaudiólogo - se observar tosses, pigarros e alterações na voz que perdurem mais de duas semanas ou sempre que precisar aprimorar sua voz;
- Comer maçã - esta fruta tem propriedades adstringentes, limpando o trato vocal até os pulmões, e favorece uma voz mais saudável.

O que deve se evitar:

- comer muito chocolate ou tomar leite em demasia - esses alimentos deixam a saliva mais viscosa, o que pode levar à vontade de pigarrear. O pigarro pode machucar as cordas vocais;
- choques térmicos;
- roupas apertadas que atrapalham a respiração, pois uma alteração na respiração leva a uma alteração na produção da voz.

terça-feira, 14 de abril de 2015

Encantamento















Como em um conto de fadas,
Aconteceu o feitiço.
No enlevo dos olhares,
Na magia dos corações.

A fascinação das existências,
Seduziu e cativou o pensamento.
Assim, enfeitiçadas, encantaram-se
Com o jogo do prazer da sedução.

Entre a realidade e a fantasia,
Um grande espaço sublimado.
Exaltando na liberdade da imaginação,
As fantasias sutis do amado.

Na bruxaria do encanto,
Deleito-me com a vida.
Na alquimia do fascínio,
Delicio-me com humor, do amor.

A plebéia perde o encantamento.
E o príncipe, o seu endeusamento.
O mágico destrói em sua cartola,
As ilusões, nos olhares e nos corações.

Célia Rangel
(revisitando meus poemas)

domingo, 12 de abril de 2015

Poema acalentador







Quando tudo lhe parecer obscuro,

Lembre-se do olhar criança...

Que o fazia sorrir e brincar

De tudo, e com todos.

Era mágico!

 

Aliene-se, ainda que por curto espaço de tempo...

Das tristezas, dúvidas e inquietações.

Busque na oração ao Papai do Céu,

A ternura do colo da Boa Mãe.

 

Rebele-se com as regras e mandos que o escravizam.

Supere os limites do seu horizonte mesquinho.

Sonhe, lute e realize, suas conquistas, o encantarão.

 

Vale o renascer diário,

Vale o amor recebido e doado,

Vale o conhecer, o aprender, o ensinar,

Vale a nobre partilha da vida pela vida,

Vale embalar nossa criança interior.

 

Célia Rangel

terça-feira, 7 de abril de 2015

ERRANTE



Íngreme é a estrada de retorno ao meu interior

Há obscuridade, confrontos, superação

Imenso é o espaço de sublimação

Inteligente é o pensamento

Que se equilibra entre a razão e a emoção

Desliza na gangorra dos pensamentos

Ideais e projetos em prospectiva de vida

Tal como uma cascata alimenta sonhos

Que investiga possibilidades

Em tempestade de perguntas sem respostas

Cultua o azul do silêncio

Desfaz-se do cenário cinza da vida

Ao saber-se no sabor de alma errante

Que se entrega plenamente a amar

Com a energia de um bem querer

Ainda que ausente... presente


Célia Rangel




sexta-feira, 3 de abril de 2015

Reflexão


Criador Discreto

Não é preciso pensar no ar
para que se infiltre
no último canto dos pulmões,
nem é preciso imaginar a aurora
para que ela enfeite o novo dia
jogando com as cores e as sombras.

Não é preciso dar ordens
ao coração tão fiel,
nem às células sem nome
para que lutem pela vida
até o último alento.

Não é preciso ameaçar
os pássaros para que cantem
nem espiar os trigais
para que cresçam,
nem vigiar a semente de arroz
para que se transforme
no segredo da terra.

Em dose exata
de luz e calor,
de canto e de silêncio,
chega-nos a vida sem que notemos,
dom incessantemente teu,
trabalhador sem sábado,
Deus discreto.

Para que tua infinitude
não nos assuste,
Tu te ofereces no dom
em que te escondes.

(Pe. Benjamín González Buelta, sj)

 

 

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Páscoa Feliz!

 

"Meu Deus, me dê cinco anos.

Me dá a mão, me cura de ser grande!"

(Adélia Prado)













Que a Luz de Cristo ilumine sua 'nova vida'!
Com carinho,


Célia.