sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Existir.


É muito mais que viver.
É muito mais que pulsar. 
É muito mais que caminhar.
É muito mais que olhar.
É muito mais que ouvir.

É contaminar com seu amor.
É deixar pegadas nos corações.
É deixar sua marca humana.
É respirar dos bons momentos.
É acalentar o chegar e o partir.

É a sua estrada...
Sua bagagem?
Seu conhecimento
Libertador! 
Existir... é ser você apenas.


Célia Rangel


8 comentários:

  1. Tanta verdade! Lindo e profundo! beijos, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Um poema excelso, de uma elevação admirável!
    Parabéns pelo dom, poetiza.
    Abraço congratulado.
    ~~~~~~~~~~~

    ResponderExcluir
  3. Célia Rangel
    De facto existir é sempre o prenúncio da vida, das muitas fases da vida vivida.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Assim é uma vida feliz! Precisamos de mais?
    Perfeito, tocante, Célia.
    Beijo, ótima semana com todas as falcatruas que temos de ver, - o oposto do seu poema. Infelizmente.

    ResponderExcluir
  5. Isso mesmo, Célia. Existir é sempre muito mais.

    Um abraço e uma boa semana.

    ResponderExcluir
  6. Lindo poetar que diz com excelência a profundidade do existir!
    Abraços afetuosos e um domingo feliz!

    ResponderExcluir
  7. "Existir... é ser você apenas." Que mais acrescentar a este poema cheio de sabedoria?
    Uma boa semana, Célia.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  8. Viver é espalhar amor por onde passamos! Beijos

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.