terça-feira, 10 de outubro de 2017

Dia Mundial da Saúde Mental

10 de outubro – Dia Mundial da Saúde Mental


Hoje é o Dia Mundial da Saúde Mental. Uma vez que, em algumas pessoas afetadas por uma doença física, uma perturbação mental não só aumenta o grau de sofrimento como as tornam menos capazes de manter um tratamento.

É evidente que, ao tratar uma doença, obteremos melhores resultados considerando o indivíduo como um todo, em vez de cuidarmos apenas de partes desse todo. Este fato requer que os que prestam cuidados de saúde - mental e física - trabalhem conjuntamente, concentrando as suas responsabilidades e pontos fortes individuais numa ação de cooperação.

Neste Dia Internacional de Saúde Mental, assumamos o compromisso de tratar as pessoas e não apenas algumas partes delas.

Leia mais em:
http://www.cepad.ufes.br/conteudo/10-de-outubro-%E2%80%93-dia-mundial-da-sa%C3%BAde-mental

6 comentários:

  1. Importante recado ao final do texto... Belo lembrete dessa data! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Um recado com endereço certo para quem tem em casa um portador de patologias neuropsquiátricas e não cuida. Tenho uma irmã de 84 anos que Bipolar, e 3 filhas que abdicaram da juventude para cuidar da mãe, cada uma concluiu o 3º grau após a outra terminar para não deixá-la sozinha.
    Bem lembrado!
    Abraço e ótima tarde.

    ResponderExcluir
  3. Olá, querida amiga Célia!
    Que tenhamos paz, alegria e saúde e o amor fluirá em nós de uma forma perfeita!
    Seja feliz e abençoada!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  4. É a chamada abordagem holística, cada vez mais disseminada e eficaz na sua aplicação. Somos um todo, e como tal devemos ser tratados. Abraços, Célia.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Célia.

    Assunto sério e muito pertinente. Mas, além dos indivíduos doentes, precisamos atentar para a "sanidade mental" da nossa cidadania.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  6. Sim Célia aqui em toda baixada Santista não tem um hospital próprio, os doentes mentais vão ao ambulatório da saúde mental, mas às vezes precisam de internação e tratamento mais específico, mas não tem, me revolto com isso. bjos

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.