domingo, 18 de março de 2018

Acordando para a vida.



Uma afinidade tão grande que gera desconforto...
Um olhar tão penetrante que invade a aura...
Um semblante tão amigo que prende e inebria desejos...

Uma aventura perfeita em sonhos delicia sentimentos.

Uma ausência sofrida, um vazio que não se preenche.

Uma busca eterna no caminhar: encontro, desencontro.

Interrogações existenciais: busca de grandes verdades.

Um corpo, invólucro de alegrias e dissabores vividos.

O que fizemos de nós no tempo concedido?

Medo da incoerência, freio do impulso.

Incerteza da aceitação, refúgio da timidez.

Eternizando sentimentos, abrigo íntimo.

Segredando toda uma sensualidade, jamais exteriorizada.

Homem & Mulher criados à imagem e semelhança do Criador,

Para a felicidade, simples e suave... tão somente...

Juntos – sempre!


Célia Rangel.


17 comentários:

  1. Lindo demais,Célia ! E que homens e mulheres possam seguir juntos, sem muitas coisas, apenas com a simplicidade que torna o caminho melhor...beijos, chica

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde. Saio daqui fascinado com a sua poesia. Linda, brilhante na sua áurea poética. Linkei seu blogue no meu.
    .
    * Mãos de amor que seguram um livro fechado ( Poetizando ) *
    .
    Votos de um dia feliz

    ResponderExcluir
  3. A sensibilidade é ferramenta para nos manter atentos sem nos deixarmos dormir.
    Uma excelente reflexão. Parabéns.

    Beijo
    SOL

    ResponderExcluir
  4. Todo poema é encantador, sensível e profundo! E os versos que mais me tocaram foram esses:
    Homem & Mulher criados à imagem e semelhança do Criador,
    Para a felicidade, simples e suave... tão somente...
    Juntos – sempre!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Querida Poetisa, Célia Rangel !
    Este é o balanço geral de uma vida a dois, em foma de
    poesia. Belo, feliz e oportuno texto.
    Parabéns, Amiga !
    Uma ótima semana e um caloroso abraço, aqui do Brasil.
    Sinval.

    ResponderExcluir
  6. Querida Poetisa, Célia Rangel !
    Este é o balanço geral de uma vida a dois, em foma de
    poesia. Belo, feliz e oportuno texto.
    Parabéns, Amiga !
    Uma ótima semana e um caloroso abraço, aqui do Brasil.
    Sinval.

    ResponderExcluir
  7. Nossa Célia! Está demais! Me emocionou, que lindo ! Menina como sabe colocar pra fora de tal forma teus sentimentos que nos tocam a fibra da alma, obrigada amiga, te ler faz um bem enorme. bjos

    ResponderExcluir
  8. Muito lindo! Fomos criados para luz, diz o sol! beijos

    ResponderExcluir
  9. Bom dia. Fiquei encantada com o seu soberbo poema. Parabéns

    Hoje:- Saudosa Viagem...

    Bjos
    Votos de uma boa Segunda-Feira.

    ResponderExcluir
  10. Olá, querida amiga Célia!
    Maravilhoso despertar onde corpo e alma sonham e vivem plenamente!
    Seja muito feliz e abençoada junto aos seus amados!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  11. Junto-me a ti nesse acordar para a vida, deixo minha alma ler a tua e contigo sentir a poesia fazer seu carinho de amor... Um abraço fraterno em tua alma!

    ResponderExcluir
  12. Vida que acorda e acorda-nos. Poetizá-la sempre! Os sentires, os pensares, mesmo as incertezas. Versar e versar.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  13. Estimada Célia, este auspicioso despertar para a vida está uma maravilha...
    Desejava que tudo corresse perfeito entre enamorados...
    Desejo à poetisa, um dia da poesia - lusíada - muito agradável e feliz.
    Um abraço especial
    ~~~~~~

    ResponderExcluir
  14. Um poema profundo de quem sabe olhar para dentro da alma...
    Um bom dia Mundial da Poesia para si.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  15. Um poema excelente, para ler, reler e reflectir.
    Parabéns pelo talento.
    Continuação de boa semana, amiga Célia.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  16. Olá, gostei do seu blog é muito interessante, eu tenho um blog onde escrevo os meus textos de diferentes temas , Fico aguardando a sua visita se gostar pode me seguir.
    Cumprimentos.

    ResponderExcluir
  17. A gente se pergunta, porque não há esta sintonia entre eles?
    Reflexão perfeita Célia e há que se crer no resgate desta homogeneidade para qual foram criados e pensados.
    Cada texto seu nos leva a uma analise, uma reflexão muito boa. Sua clareza e sabedoria voam alto e nos leva amiga.
    Meu terno abraço de paz e luz.
    Bjs de paz.

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.