sábado, 14 de abril de 2018

Pretensões...

Todo um ser preso em uma caixa de pensamentos...
Povoado de lembranças... ternuras...amor...
Se pudesse, abriria essa caixa!
O que veria dentro dela?
A alma.

A loucura que envolve esses pensamentos...
Interna-me no sanatório de seu olhar,
E no silêncio de um profundo azul
Busco o elixir restaurador da solidão.
Fujo, logo que percebo o encontro de nossas almas...

Fecho a caixa que tentei abri-la, mas...
Assusta-me...
Violenta-me...
ver minha  alma desnuda
diante da sua...

Volto para minha solidão,
com meus pensamentos...
com minha caixa...
vazia!

E a alma?
Louca presa nos pensamentos.

Célia Rangel



9 comentários:

  1. Passando a fim de conferir mais uma sedutora publicação.
    Sem dúvida que a alma é mesmo uma caixinha fechada que esconde tantas venturas e pensamentos.
    .
    *Mulher; Flores e Borboletas, em sintonia poética (Poetizando) *
    .
    Votos de um dia feliz.

    ResponderExcluir
  2. Muito lindo e profundo esse abrir a caixa, desnudar a alma...E depois o fechar novamente pelo medo...Muito linda tua inspiração! beijos, ótimo dia! chica

    ResponderExcluir
  3. A caixinha do eu, suas certezas e incertezas, abrir ou fechar? Eis a tal questão.

    Um abraço e uma boa semana.

    ResponderExcluir
  4. Às vezes torna-se difícil abrir tal caixa! Mas o maior problema não é desnudá-la aos outros, até que dá, mas o problema torna-se grande ao desnudá-la a nós mesmos. Tem quem aguente, mas têm aqueles que não suportam essa visão, muitas vezes incomoda, não sabem lidar com os problemas que estão lá dentro. Deve angustiar. São as verdades que machucam.
    Beijo, Célia.
    Uma boa semana!

    ResponderExcluir
  5. Uma caixa pode ser uma surpresa
    Pelo bem ou pelo mal que pode ter.
    Ter guardada, nessa caixa, a surpresa,
    Amedronta mas dá ânsias de saber...

    Belo, Célia.Parabéns.

    Beijo
    SOL

    ResponderExcluir
  6. Talvez valha a pena abrir a caixa e deixar que a nudez da alma lhe traga todo o amor que deseja...
    Um belo poema!
    Uma boa semana,
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  7. Tanto o poema, como tema são muito interessante...
    O pudor atrapalha muita coisa...
    Admirável.
    Abraço.
    ~~~

    ResponderExcluir
  8. Bom dia. Excelente poema! Parabéns:))

    Hoje:- {Poetizando e Encantando} Se chegares, amar-me-ás eternamente.

    Bjos
    Votos de uma Óptima Terça-Feira.

    ResponderExcluir
  9. Boa noite, Célia.Não sabemos o que há na alma do outro,nem mesmo na nossa muitas vezes, isso gera uma angústia profunda.
    Belíssimo poema.
    Parabéns.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir

Seu comentário evidencia o seu 'pensar'.
Saiba que aprendo muito com você.
Obrigada, meu abraço,
Célia Rangel,
Autora responsável pelo blog.
Obs.: NÃO POSTAREI COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.